10 hábitos que prejudicam a concentração no trabalho

Os maus hábitos são os responsáveis por sabotar a produtividade e diminuir sua concentração no trabalho. Eles surgem aos poucos e, quando menos se espera, tomam conta de uma grande parte do dia e deixam uma pilha de tarefas por fazer.

Além das atividades acumuladas, maus hábitos trazem, como consequência, a diminuição da eficiência profissional. Eles são responsáveis por deteriorar a criatividade e sufocar o desempenho. O grande segredo é se livrar desses costumes o quanto antes e, para isso, você precisa saber exatamente quais são e tomar precauções para evitar que se estabeleçam ou para eliminá-los de vez!

Conheça 10 hábitos que prejudicam a concentração no trabalho

1. Fazer tudo ao mesmo tempo

Não confunda ser multitarefa com fazer tudo ao mesmo tempo. Quem é multi skill —como é comum ouvirmos no mercado de trabalho — está capacitado a fazer muitas atividades, mas não de uma vez. Quando você dá início a várias tarefas ao mesmo tempo, trabalha sem foco e deixa passar muitos pontos que poderiam ser executados de uma forma melhor.

Em vez disso, tente elaborar uma lista com todos os afazeres do dia e se dedique a um por vez, sempre começando pelos mais fáceis — ou pelos prioritários, quando for o caso — e deixando os mais difíceis para a sequência: assim você se concentra em cada atividade enquanto a realiza.

2. Deixar para amanhã o que pode ser feito hoje

Isso é o que nós conhecemos por procrastinar: adiar, protelar, atrasar — dá no mesmo. Pois é, esse papo de deixar para amanhã o que pode ser feito hoje é nada mais, nada menos que procrastinação.

Se tem uma tarefa que precisa ser feita, faça-a agora, não a deixe para depois. Posteriormente, você receberá novas demandas e elas vão acabar se acumulando. Não sobra tempo nem disposição para encarar tudo de uma só vez e o resultado? Atrasar o que poderia ter sido feito em tempo hábil.

3. Excesso de reuniões

Algumas organizações têm isso enraizado em suas culturas: eles adoram reuniões! Qualquer motivo é desculpa para paralisar as atividades de um departamento e enfurnar as pessoas dentro de uma sala. Evite isso!

Reuniões devem ser feitas com pessoas estratégicas, de forma planejada, com uma periodicidade equilibrada e para pautas muito importantes, que precisam ser comunicadas ou discutidas.

4. Ficar de olho nas redes sociais

Não é segredo para ninguém que as redes sociais fazem parte do nosso cotidiano, porém, dentro do ambiente de trabalho, elas precisam ficar de lado. Em algumas empresas, o acesso às redes sociais é restrito. Isso inibe seu acesso constante e desenfreado pelos smartphones, para acompanhar a timeline ou acessar perfis de conhecidos. 

As redes sociais roubam o foco do trabalho. Bastam alguns minutos durante uma conversa para dispersar a atenção e acabar com a concentração. Além disso, ainda vai ser preciso gastar alguns minutos retomando o fio da meada no trabalho.

5. Ficar navegando pela internet

Da mesma forma que as redes sociais são ladras de foco e atenção, ficar navegando pela internet resulta no mesmo problema. Você já reparou na quantidade de abas que estão abertas no seu navegador?

Perder o foco durante uma “olhada rápida” geralmente incorre em algumas horas a mais de trabalho. É que os websites têm links para outros sites com assuntos interessantes, que também levam a outros sites, num ciclo vicioso. Então as abas vão-se multiplicando enquanto você não dá conta do tempo que está perdendo.

6. Ser perfeccionista demais

Perfeccionismo não é qualidade. Ser minucioso quanto à qualidade de um trabalho é uma coisa; nunca o terminar ou extrapolar o tempo previsto porque ele simplesmente não está perfeito é outra.

Quando se exagera no zelo com o trabalho, a eficiência fica comprometida. As outras tarefas e compromissos deixam de ser feitos porque a dedicação excessiva a uma delas consumiu todo o tempo! Para os gestores, isso denota falta de praticidade e até preguiça, pois, enquanto você está demorando na mesma atividade, há uma fila de assuntos esperando para serem resolvidos.

Lembre-se: o ótimo é inimigo do bom. Não enviar uma atividade a tempo pode prejudicar o resultado de várias outras que dependem dela. Mesmo sendo detalhista, você pode se organizar sem prejudicar sua concentração.

7. Responder os e-mails no momento em que chegam

A concentração no trabalho depende inteiramente do foco nas atividades. Responder os e-mails no momento em que chegam não significa que você é uma pessoa produtiva, mas sim, desorganizada. Lembra da listinha de prioridades?

Elimine os e-mails mais rápidos de responder e deixe os mais demorados para a sequência. Assim será possível organizar as novas atividades dentro do seu tempo disponível.

8. Participar de rodinhas de fofoca

Sim, os papinhos com os colegas de trabalho sobre os outros, o chefe, a companhia e demais assuntos afetam a concentração. À medida que você se envolve nessas rodinhas de fofoca, torna-se cada vez mais difícil escapar delas.

Os colegas chamam você para atualizá-lo sobre cada rumor que surge e isso afeta diretamente a produtividade e a concentração necessárias para executar as tarefas do dia. Evite participar desses grupinhos e foque sua atenção na boa execução das tarefas que você tem sob sua responsabilidade.

9. Centralizar todas as decisões em você

Imagine parar, a cada minuto, para decidir algo ou ter que revisar uma atividade que foi feita. Isso acontece com frequência, na rotina de pessoas centralizadoras de decisões.

O medo que os demais façam um trabalho ruim afeta o profissional, pois, como as decisões estão sob sua responsabilidade, ele se obriga a parar seu trabalho sempre para conferir o dos demais.

Delegue atividades, descentralize as decisões e dê autonomia aos seus colaboradores e colegas de trabalho: cada um é responsável pelo que faz.

10. Ter uma noite mal dormida

Por fim, chegamos à décima atitude que prejudica a concentração no trabalho: ter uma noite mal dormida. Estresse e preocupação são dois fatores que influenciam na qualidade do sono, assim como levar o smartphone, notebook ou tablet para a cama.

Para evitar que o seu sono impacte na sua concentração durante o trabalho, procure relaxar antes de dormir e evite ficar em contato com tecnologia por, pelo menos, meia hora antes de ir para a cama. Tenha uma boa noite de sono para garantir disposição no dia seguinte.

Mude esses hábitos e tenha mais concentração no trabalho. Siga-nos em nossas redes sociais e continue aproveitando todas as dicas para que você tenha sempre qualidade de vida pessoal e profissional.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *